RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 35, DE 11 DE AGOSTO DE 2017

15/08/2017 10:34
CONSELHO NACIONAL DE CONTROLE DE EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL
RESOLUÇÃO NORMATIVA Nº 35, DE 11 DE AGOSTO DE 2017
Dá nova redação ao segundo parágrafo do item VI e ao primeiro parágrafo do item VII do Anexo
da Resolução Normativa nº 33, de 18 de novembro de 2016, que baixou o Capítulo
“Procedimentos -Roedores e Lagomorfos mantidos em instalações de instituições de ensino
ou pesquisa científica”, do Guia Brasileiro de Produção, Manutenção ou Utilização de Animais
em Atividades de Ensino ou Pesquisa Científica.
O Presidente do Conselho Nacional de Controle de Experimentação de Animal (CONCEA),
no uso de suas atribuições legais e regulamentares, tendo em vista o disposto no inciso V do art. 5º da Lei nº 11.794, de 8 de outubro de 2008, resolve:
Art. 1º O segundo parágrafo do item VI e o primeiro parágrafo do item VII do Anexo da Resolução Normativa nº 33, de 18 de novembro de 2016, passam a vigorar com a seguinte redação:
“VI – Controle da dor: anestesia, analgesia e sedativos
É de fundamental importância uma equipe qualificada para reconhecer os sinais de dor. O veterinário é responsável pelos planejamentos anestésicos e pela instrução na monitoração da profundidade anestésica na espécie alvo.
VII – Procedimentos cirúrgicos
Define-se procedimento cirúrgico como uma intervenção que requer acesso a um tecido vivo. No cenário científico, o tipo de procedimento dependerá do propósito científico e pode variar desde uma incisão superficial até a penetração de uma cavidade do corpo, intervenção em órgão(s) ou dissecação tecidual extensa, que deverá ser realizada sob supervisão de um médico veterinário de acordo com as definições da Diretriz Brasileira para o Cuidado e Utilização de Animais em Atividades de Ensino ou de Pesquisa Científica (RN 30).” (NR)
Art. 2º Esta Resolução Normativa entra em vigor na data de sua publicação.
GILBERTO KASSAB

Pesquisadora brasileira ganha o Prêmio da Declaração de Basileia deste ano para Educação em Pesquisa em Animais

07/07/2017 18:03

Este ano, a Sociedade Declaração de Basileia (BDS) concede o Prêmio de Educação em Pesquisa Animal pela sexta vez. O vencedor do prêmio 2017 é Cilene Lino de Oliveira do Departamento de Ciências Fisiológicas do Centro de Ciências Biológicas da Universidade de Santa Catarina, Florianópolis, Brasil. Esta simpática cientista brasileira ensina o curso “Cuidados e bem-estar dos animais de laboratório” em sua universidade e espera ganhar ainda mais experiência internacional através do atendimento ao curso na Suíça, para que ela possa oferecer aos alunos o melhor ensino possível.
(mais…)

Curso de Manejo de Animais de Laboratório para Alunos de Graduação

31/05/2017 16:30

Desde março deste ano, a CEUA-UFSC passou a exigir que alunos de graduação envolvidos em projetos de pesquisa em animais vertebrados tenham certificação no manejo ético de animais em pesquisa. Para isso, os professores do CCB, Cilene Lino de Oliveira e Carlos Rogério Tonussi, e a veterinária Luciana Honorato, responsável técnica do CCB, montaram e coordenam o curso de manejo de animais de laboratório para alunos de graduação.

Para realizar o curso, os alunos devem fazer sua inscrição no sistema inscricoes.ufsc.br. Uma vez homologada a inscrição, o aluno terá acesso a plataforma grupos.moodle.ufsc.br, onde o curso é realizado.

Terminado o curso e obtido o aproveitamento mínimo de 75%, o certificado é emitido pelo sistema certificados.ufsc.br